Os 5 Melhores ETFs Americanos que pagam Dividendos

Se você está em busca de investimentos que ofereçam rendimentos estáveis e consistentes, os ETFs de dividendos americanos podem ser uma opção interessante.

Esses fundos oferecem uma maneira conveniente de investir em empresas que têm o compromisso de distribuir uma parte de seus lucros aos acionistas. E você ainda recebe em dólar!

Neste post, apresentaremos os 5 melhores ETFs americanos de dividendos em dólar, com as características de cada um que te ajudarão a escolher!

ETFRetorno em 5 anosDividend YieldEscolha da Foco
SCHD13,19%3,48%Melhor Retorno e Maior Dividendo
VIG13,08%1,86%Bom Retorno anual
DGRO12,21%2,46%Bom Dividendo e Retorno anual
NOBL11,03%1,42%Bom Retorno anual
SDY8,77%2,70%Bom dividendo

Veja a análise completa:

O que é um ETF?

Os 5 Melhores ETFs Americanos que pagam Dividendos

Análise completa dos ETFs em vídeo

Como comprar um ETF americano para receber dividendos em dolar?

Como Funciona um ETF de dividendos?

Quando recebo meus dividendos dos ETFs americanos?

Como saber se um ETF de dividendos em dolar é bom?

Abra sua conta na Nomad e ganhe até 20 dólares:

O que é um ETF?

Um ETF (Exchange-Traded Fund) é um tipo de fundo de investimento negociado em bolsa de valores. Ele é projetado para acompanhar o desempenho de um índice específico, como o S&P 500 ou o Nasdaq-100. Um ETF permite que os investidores comprem e vendam ações que representam uma cesta diversificada de ativos subjacentes, como ações, títulos, commodities ou uma combinação deles.

Diferentemente dos fundos mútuos tradicionais, os ETFs são negociados em bolsa, o que significa que seus preços flutuam ao longo do dia conforme são comprados e vendidos no mercado aberto. Os ETFs oferecem uma forma eficiente e acessível de investir em uma ampla variedade de ativos, proporcionando diversificação instantânea e liquidez aos investidores.

Além disso, os ETFs também podem oferecer benefícios, como baixos custos de administração, transparência em relação aos ativos subjacentes e a capacidade de serem negociados como ações individuais, o que permite aos investidores comprar e vender partes do fundo a qualquer momento durante o horário de funcionamento do mercado.

Os ETFs têm se tornado cada vez mais populares devido à sua flexibilidade, diversificação e potencial para atingir objetivos de investimento específicos.

Os 5 Melhores ETFs Americanos que pagam Dividendos

SCHD – Schwab U.S. Dividend Equity ETF

O SCHD é um ETF que busca rastrear o desempenho do Dow Jones U.S. Dividend 100 Index. Ele oferece exposição a empresas americanas que pagam dividendos estáveis. Com um dividendo anual de 3,48%, um retorno total em 5 anos de 13,19%, 102 ações, um custo de 0,06% e um preço de $76,28, o SCHD é uma opção atraente para investidores em busca de rendimentos regulares.

VIG – Vanguard Dividend Appreciation ETF

O VIG é um ETF que busca acompanhar o desempenho do NASDAQ US Dividend Achievers Select Index (Índice de Seleção de Conquistadores de Dividendos da Nasdaq US). Ele investe em empresas americanas que têm um histórico consistente de aumentos de dividendos. Com um dividendo anual de 1,86%, um retorno total em 5 anos de 13,08%, 316 ações, um custo de 0,06% e um preço de $172,66, o VIG oferece um equilíbrio entre rendimentos e crescimento.

DGRO – iShares Core Dividend Growth ETF

O DGRO é um ETF que visa rastrear o desempenho do índice Morningstar US Dividend Growth Index. Ele investe em empresas que têm o potencial de aumentar seus dividendos ao longo do tempo. Com um dividendo anual de 2,46%, um retorno total em 5 anos de 12,21%, 447 ações, um custo de 0,08% e um preço de $54,52, o DGRO oferece uma combinação de rendimentos e potencial de crescimento.

NOBL – ProShares S&P 500 Dividend Aristocrats ETF

O NOBL é um ETF que acompanha o desempenho do índice S&P 500 Dividend Aristocrats, composto por empresas que aumentaram seus dividendos por pelo menos 25 anos consecutivos. Com um dividendo anual de 1,42%, um retorno total em 5 anos de 11,03%, 67 ações, um custo de 0,35% e um preço de $94,90, o NOBL é uma escolha popular para investidores que valorizam a consistência dos dividendos.

SDY – SPDR S&P Dividend ETF

O SDY é um ETF que busca replicar o desempenho do índice S&P High Yield Dividend Aristocrats. Ele oferece exposição a empresas americanas com histórico consistente de aumentos de dividendos ao longo do tempo. Com um dividendo anual de 2,70%, um retorno total em 5 anos de 8,77%, 123 ações, um custo de 0,35% e um preço de $123, o SDY atrai investidores em busca de rendimentos estáveis.

Veja a análise completa desses ETFs no vídeo abaixo:

Como comprar um ETF americano para receber dividendos em dolar?

Para comprar seu primeiro ETF americano de dividendos, você pode abrir uma conta digital em um banco ou corretora sediada nos EUA, que te dá segurança, confiabilidade e ainda permite um câmbio mais barato que os grandes bancos ou casas de câmbio, na hora de transformar seus reais em dólar!

Escolha uma corretora que não possua taxa de corretagem!

Após o câmbio do Real em Dólar, você pode comprar um ETF igual compraria uma ação. O mínimo para compra é de uma cota do ETF. Os ETFs que pagam dividendos, além do potencial de valorização, ainda vão pagar na sua conta os dividendos periodicamente.

Abra sua conta na Nomad e ganhe até 20 dólares:

Veja também: Análise completa da conta Nomad Global!

Como Funciona um ETF de dividendos?

Quando um investidor deseja comprar cotas de um ETF, ele pode fazê-lo por meio de uma corretora, como faria ao comprar ações. Cada cota de ETF representa uma participação proporcional nos ativos do fundo. Assim que a ordem de compra é executada, o investidor se torna acionista do ETF e obtém exposição aos ativos subjacentes.

Uma das características distintivas dos ETFs de dividendos é que eles são negociados em bolsa de valores durante o horário de funcionamento do mercado e pagam dividendos, mensais ou trimestrais, na sua conta investimento americana. Isso significa que os investidores podem comprar e vender cotas do ETF em tempo real, assim como fariam com ações individuais. O preço das cotas de ETF flutua ao longo do dia com base na oferta e demanda do mercado.

Os gestores do ETF têm a responsabilidade de administrar o fundo e garantir que ele acompanhe o desempenho do índice de referência. Eles fazem isso comprando e vendendo os ativos subjacentes conforme necessário para refletir as mudanças no índice. Essa atividade de gestão permite que o ETF mantenha uma correlação próxima com o índice que busca replicar.

Quando recebo meus dividendos dos ETFs americanos?

Os dividendos são pagos periodicamente. Alguns ETFs pagam dividendos mensais e outros trimestrais. Por isso, ao comparar os ETFs, verifique os dividendos anuais pagos, que consideram a mesma janela de 12 meses, permitindo a comparação entre os que pagam todo mês e os que pagam por trimestre.

Como saber se um ETF de dividendos em dolar é bom?

Ao escolher um ETF de dividendos, há várias características importantes para se observar. Essas características podem fornecer uma visão geral da capacidade do ETF de gerar renda consistente para os investidores. Alguns dos principais fatores a serem considerados incluem:

Índice de Referência

Entenda o índice de referência do ETF. Alguns ETFs seguem índices de empresas que têm um histórico comprovado de aumentos de dividendos ao longo do tempo, como os Dividend Aristocrats. Isso pode indicar empresas com uma cultura de pagamento sólida e comprometimento com o retorno de capital aos acionistas.

Também existem os ETFs que buscam replicar índices como S&P 500, Nasdaq e até setores específicos. Avalie o tipo de risco e retorno você deseja e escolha um ETF baseado em um índice de referência apropriado.

Histórico de Pagamento de Dividendos

A consistência do pagamento de dividendos, regularidade e valor dos dividendos pagos são importantes métricas para avaliar um ETF. Verifique o valor do dividendo anual pago pelo ETF em relação ao preço atual. Quanto maior o dividendo anual em relação ao preço, maior o rendimento. Analisar longos períodos, ao invés do último mês, nos ajuda a planejar para o longo prazo.

Retorno Total em 5 Anos

O rendimento de dividendos é importante, mas também leve em consideração o retorno total do ETF, incluindo a apreciação do preço do ETF. Um ETF que oferece um bom equilíbrio entre dividendos atrativos e crescimento de capital pode ser uma escolha interessante para os investidores.

O retorno total do ETF nos últimos 5 anos inclui tanto o crescimento do preço do ETF assim como os dividendos recebidos. Períodos longos de 5 anos ou 10 anos são mais confiáveis por considerar períodos em que a economia estava ruim na análise. ETFs que resistem à esses períodos tem potencial de trazer menos risco.

Diversificação e Número de Ações

O número total de ações detidas pelo ETF. Isso pode indicar a diversificação do fundo em várias empresas.

Ao investir em ETFs de dividendos, é importante considerar a diversificação do fundo.

Verifique se o ETF possui uma ampla exposição a diferentes setores e empresas para reduzir o risco específico do investimento em uma única empresa.

Taxas e Despesas

Considere as taxas associadas ao ETF, como a taxa de administração. As despesas podem ter um impacto significativo nos retornos ao longo do tempo, portanto, escolha um ETF com taxas competitivas em comparação com outros fundos semelhantes.

Risco e Volatilidade

Avalie o risco e a volatilidade associados ao ETF. Embora os ETFs de dividendos sejam conhecidos por sua estabilidade e renda consistente, ainda é importante compreender os riscos envolvidos, especialmente em relação às flutuações do mercado e às mudanças nas políticas de dividendos das empresas.

ETF de dividendos vale a pena?

Sim, eles valem a pena para investidores que querem diversificar sua carteira de investimentos em ações americanas que pagam dividendos, pois os ETFs são uma forma de diversificar seus investimentos em diversas empresas.

Ainda assim, esse é um dos investimentos de maior risco disponíveis, sendo uma renda variável em moeda estrangeira, estamos expostos ao risco das empresas e ao risco cambial (risco do dólar desvalorizar, neste caso). Portanto, veja outras opções de investimento na bolsa americana e diversifique seus investimentos!

Similar Posts