7 Crenças limitantes mais comuns sobre dinheiro

O dinheiro é uma parte importante da nossa vida e pode ser um recurso valioso para alcançar nossas metas e realizar nossos sonhos. No entanto, muitas pessoas têm crenças limitantes sobre dinheiro que as impedem de alcançar o sucesso financeiro. Aqui estão sete das crenças limitantes mais comuns sobre dinheiro:

1. “Eu nunca vou ter dinheiro suficiente.”

Muitas pessoas têm a crença de que nunca vão ter dinheiro suficiente, independentemente de quanto trabalhem ou ganhem. Isso pode levar a uma mentalidade de falta e privação, o que pode impedir que as pessoas tomem atitudes para melhorar sua situação financeira.

2. “Eu preciso trabalhar muito para ganhar dinheiro.”

Enquanto o trabalho duro pode ser uma parte importante de qualquer esforço de ganho de dinheiro, a crença de que é preciso trabalhar muito para ganhar dinheiro pode levar a uma mentalidade de exaustão e estresse. O que te leva a se sentir desmotivado e desencorajado a buscar novas oportunidades de renda.

As oportunidades que podem mudar a sua vida surgem quando você está atento. Um aumento, mudança de emprego, oportunidade de empreender, são todas opções para você continuar aumentando sua renda.

3. “Eu não consigo guardar dinheiro.”

Assim como muita gente, eu já tive medo de abrir minha conta e olhar minha conta corrente, sabendo que aquele mês estava difícil fechar as contas. Isso aumenta ainda mais a mentalidade de (não consigo) ou o medo de aprender e falar sobre investimentos.

Mas em algum momento a gente tem que dar um basta! e arregaçar as mangas e entender aonde a gente se encontra financeiramente. Quanto eu recebo todo mês, quais são minhas contas obrigatórias e quanto eu posso guardar todo mês para o meu futuro.

E existem alguns métodos, como o método 50-30-20, que nos ajudam a planejar nosso aporte mensal e superar essa fase de não ter dinheiro para guardar!

4. “Eu não mereço ter dinheiro.”

Algumas pessoas acreditam que elas não merecem ter dinheiro, seja porque acham que não são dignas disso ou porque acreditam que não têm trabalhado o suficiente para isso. Isso pode impedir que as pessoas valorizem a si mesmas e busquem oportunidades de renda e investimento.

5. “Eu não tenho tempo para me preocupar com dinheiro.”

A vida corrida, com trabalho e responsabilidades familiares pode te fazer acreditar não ter tempo para se preocupar com dinheiro. Mas ignorar as finanças pode ter consequências negativas a longo prazo e levar a problemas financeiros futuros.

6. “Eu não sei o suficiente sobre dinheiro.”

Não é ensinado nas escolas e nem na faculdade sobre como gerir seu dinheiro. Assim, você pode pensar não ter o conhecimento ou as habilidades necessárias para gerenciar bem suas finanças. Isso pode levar a uma mentalidade de inaptidão e desinteresse em aprender mais sobre finanças e tomar medidas para melhorar sua situação financeira.

Lembra que o conhecimento se adquire com o tempo e muito estudo, mas sempre precisa de um passo inicial. Pense em dar um passo de cada vez, seja com um livro, um vídeo e aos poucos construindo um futuro financeiro melhor!

Nesse post detalho o primeiro passo que você precisa dar com suas finanças, para pensar no presente e no seu futuro!

7. “Eu não posso me dar ao luxo de poupar ou investir dinheiro.”

Muitas pessoas acreditam que não têm dinheiro suficiente para poupar ou investir, o que pode levar a uma mentalidade de “gastar tudo o que se tem”. No entanto, poupar e investir dinheiro pode ser importante para alcançar a segurança financeira a longo prazo e alcançar nossos objetivos financeiros.

———-

Superar essas crenças limitantes sobre dinheiro pode exigir trabalho e autorreflexão, mas pode ser uma parte importante de alcançar o sucesso financeiro. Isso pode incluir aprender mais sobre finanças, estabelecer metas financeiras claras e tomar medidas concretas para melhorar a situação financeira.

Similar Posts